João Azevêdo amplia número de convocados no concurso para PM e Bombeiros (confira comentário nosso)

By | 14/06/2024 10:20 am

(Portal WSCOM, em 14/06/2024)

 

 

O governador João Azevêdo anunciou nesta sexta-feira (14) a ampliação do número de candidatos convocados para as etapas seguintes do concurso público para a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros.

O anúncio foi feito por meio de suas redes sociais, onde o governador destacou que a medida visa incluir todos os candidatos que haviam sido previamente aprovados, mas que foram desclassificados por uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

“Acabei de autorizar o aumento do número de convocados para as etapas seguintes do concurso da Polícia Militar e Bombeiros, visando incluir todos os que anteriormente foram aprovados e que, pela decisão do STF, tinham sido desclassificados. Com essa decisão, eles terão a oportunidade de continuar concorrendo e fortaleceremos ainda mais a nossa Segurança Pública”, afirmou o governador.

Comentário nosso

Muito justa a decisão do governador.  A aprovação no concurso criou uma expectativa naqueles que fora aprovados e que tinham a sua chance de assumir um novo emprego, quando eles não tinham nenhuma culpa na redução do número de vagas disponíveis.  Fora o próprio Estado que dera causa à mudança provocada pela decisão judicial. (LGLM)

Comentário

Comentário

Category: Estaduais

About Luiz Gonzaga Lima de Morais

Formado em Jornalismo pelo Universidade Católica de Pernambuco, em 1978, e em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco, em 1989. Faz radiojornalismo desde março de 1980, com um programa semanal na Rádio Espinharas FM 97.9 MHz (antiga AM 1400 KHz), na cidade de Patos (PB), a REVISTA DA SEMANA. Manteve, de 2015 a 2017, na TV Sol, canal fechado de televisão na cidade de Patos, que faz parte do conteúdo da televisão por assinatura da Sol TV, o SALA DE CONVERSA, um programa de entrevistas e debates. As entrevistas podem ser vistas no site www.revistadasemana.com, menu SALA DE CONVERSA. Bancário aposentado do Banco do Brasil e Auditor Fiscal do Trabalho aposentado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *